27 de mai de 2009

Reunião de Pais e Mestres - "O teu filho te vê como herói, não te transforme em tirano aos olhos dele. "(Plutarco) - Newton Reis - 2ºC

"Quem ama educa"

"Se você abre uma porta, você pode ou não entrar em uma nova sala. Você pode não entrar e ficar observando a vida. Mas se você vence a dúvida, o temor, e entra, dá um grande passo: nesta sala vive-se ! Mas, também, tem um preço... São inúmeras outras portas que você descobre. Às vezes curte-se mil e uma. O grande segredo é saber quando e qual porta deve ser aberta. A vida não é rigorosa, ela propicia erros e acertos. Os erros podem ser transformados em acertos quando com eles se aprende. Não existe a segurança do acerto eterno. A vida é generosa, a cada sala que se vive, descobre-se tantas outras portas. E a vida enriquece quem se arrisca a abrir novas portas. Ela privilegia quem descobre seus segredos e generosamente oferece afortunadas portas. Mas a vida também pode ser dura e severa. Se você não ultrapassar a porta, terá sempre a mesma porta pela frente. É a repetição perante a criação, é a monotonia monocromática perante a multiplicidade das cores, é a estagnação da vida... Para a vida, as portas não são obstáculos, mas diferentes passagens!"

(Frases e Pensamentos de Içami Tiba)


















Entre tantas produções maravilhosas a PRO digitou algumas para representar os pais e responsáveis que saborearam o gosto de produzir.
Não há nome dos destinátarios e nem dos autores, apenas as maravilhas de quem produz com amor.
Parabéns e obrigada por compartilhar com carinho e atenção.
PRO Olívia em nome de preciosas Vidas.


Deus, você e eu.
(Mamãe)
Deus me abençoou, dando você para mim, peço todos os dias para que ele venha iluminar a sua vida na escola e em todos os lugares.
Que você se torne um homem do bem e venha fazer sempre a vontade de de Deus. Nunca esqueça que não há ninguém maior que Deus.
A mamãe te ama muito e deseja de todo o coração que você seja muito feliz.

*
Deus, eu e a minha família.
(Mamãe)
Deus, a minha filhinha e eu, de manhã ao acordar com “cosquinhas” e beijinhos vamos dar.
Filhinha e irmãozinhos vão ao banheiro se cuidar,
Os dentinhos escovar e para a escola vão estudar.
Vão com Deus; os amiguinhos respeitar, a Pro escutar e aproveitar.
*
Deus, você e eu.
(Papai)
Deus deu o mundo para a gente poder usufruir, mas as nossas crianças não sabem o que é ser feliz.
Deus deu o meu filho, é tudo na minha vida, mas tem hora que eu peço para Deus força para agir.
Eu sei vida dele, sei quanto ele é carinhoso, mas falta um pouco mais e Deus nos orientará.
*
Deus, criador e salvador.
(Mamãe)
Deus que me dá forças
Deus que me guia
Deus e eu somos um só
Graças a Deus que me recompensou com uma “joinha”.
Minha querida filhinha.
Presente do Senhor em valiosa vida.

Recadinhos carinhosos de filhos para pais ou responsáveis.



Que Deus os ilumine com amor, carinho e sabedoria


Reunião de Pais e Mestres - 2ºC - "Newton Reis"



Propostas de Atividades
Leituras compartilhadas
Pauta da Unidade escolar para o bom desempenho
Autorizações para a sala de informática e atividades escolares
Orientações para acompanhamento na vida escolar
"De quem é a bola? "(AD)
Diálogo e reflexão: A mídia na vida escolar, seleção de programas
O uso e acompanhamento na internet; objetivo do blog
Explicações: Hipóteses de escrita
Os deveres de casa; escolha de textos; produção de relatos das aulas
"Deus e eu no sertão" (Victor e Leo)
Produção da aluna: "Deus e eu na escola"
Convite para que pais ou responsáveis façam uma produção de texto
Tema: "Filhos" - Título: "Deus, eu e você"
Leitura enquanto os pais produzem: "Filhos são como navios" (Içami Tiba)
*
"FILHOS SÃO COMO NAVIOS"
(Icami Tiba)
Ao olharmos um navio no porto, imaginamos que ele esteja em seu lugar mais seguro, protegido por uma forte âncora.
Mal sabemos que ali está em preparação, abastecimento e provisão para se lançar ao mar, ao destino para o qual foi criado, indo ao encontro das próprias aventuras e riscos.
Dependendo do que a força da natureza lhes reserva, poderá ter que desviar da rota, traçar outros caminhos ou procurar outros portos.
Certamente retornará fortalecido pelo aprendizado adquirido, mais enriquecido pelas diferentes culturas percorridas.
E haverá muita gente no porto,
feliz à sua espera.
Assim são os FILHOS.
Estes têm nos PAIS o seu porto seguro até que se tornem independentes.
Por mais segurança, sentimentos de preservação e de manutenção que possam sentir junto aos seus pais, eles nasceram para singrar os mares da vida, correr seus próprios riscos e viver suas próprias aventuras.
Certo que levarão consigo os exemplos dos pais, o que eles aprenderam e os conhecimentos da escola, mas a principal provisão, além das materiais, estará no interior de cada um:
A CAPACIDADE DE SER FELIZ.
Sabemos, no entanto, que não existe felicidade pronta, algo que se guarda num esconderijo para ser doada, transmitida a alguém.
O lugar mais seguro que o navio pode estar é o porto. Mas ele não foi feito para permanecer ali.
Os pais também pensam que sejam o porto seguro dos filhos, mas não podem se esquecer do dever de prepará-los para navegar mar a dentro e encontrar o seu próprio lugar, onde se sintam seguros, certos de que deverão ser, em outro tempo, este porto para outros seres.
Ninguém pode traçar o destino dos filhos, mas deve estar consciente de que na bagagem devem levar VALORES herdados como:
HUMILDADE, HUMANIDADE,HONESTIDADE, DISCIPLINA, GRATIDÃO E GENEROSIDADE.
Filhos nascem dos pais, mas devem se tornar CIDADÃOS DO MUNDO. Os pais podem querer o sorriso dos filhos, mas não podem sorrir por eles. Podem desejar e contribuir para a felicidade dos filhos, mas não podem ser felizes por eles.
A FELICIDADE CONSISTE EM TER UM IDEAL A BUSCAR E TER A CERTEZA DE ESTAR DANDO PASSOS FIRMES NO CAMINHO DA BUSCA.
Os pais não devem seguir os passos dos filhos e nem devem estes descansar no que os pais conquistaram.
Devem os filhos seguir de onde os pais chegaram, de seu porto, e, como os navios, partirem para as próprias conquistas e aventuras.
Mas, para isso, precisam ser preparados e amados, na certeza de que:
“QUEM AMA EDUCA”.

“COMO É DIFÍCIL SOLTAR AS AMARRAS”

Içami Tiba

Nenhum comentário: